Massucatti Notícias

Bons contatos levam a bons negócios

12/08/2013 16:37:52

Em qualquer ramo, ter uma rede de contatos é essencial. Mais do que o popular “fazer uma social”, estabelecer bons relacionamentos profissionais é útil e estratégico para empresas de qualquer porte. O chamado networking permite trocar informações, abre caminho para parcerias e projetos, entre outros benefícios. O resultado vem em forma de mais vendas e faturamento maior.

Mas essa prática deve obedecer a alguns princípios para realmente proporcionar retorno. Você terá de construir sua rede de contatos sistematicamente. Demanda tempo, ir a eventos como feiras do setor, seminários e congressos, conhecer gente, trocar cartões, e-mails e perceber interesses comuns.

O contato precisa ser periódico, contudo, exagerar na frequência com que se procura uma pessoa ou grupo pode saturar a relação e causar efeito negativo. Vale criar uma rotina para falar com os conhecidos, mas mantenha um intervalo mínimo entre uma comunicação e outra. No entanto, só se lembrar deles quando precisa de algo é um erro. Fica mal visto quem age assim. No networking, ofereça antes de pedir. O ponto de partida é mostrar interesse sincero. Por isso, converse com eles também nos momentos bons. Aliás, o ideal é iniciar a relação nessa hora.

Não despreze nenhuma aproximação. Mesmo que a pessoa não tenha afinidade com seu negócio, ela pode ser a ponte para chegar a alguém que esteja no seu raio de ação e representa uma oportunidade.

A internet também é aliada. Redes sociais de perfil profissional são opções. Mas atenção a suas postagens nesse ambiente, pois passarão a compor sua imagem, para o bem ou para o mal, atraindo ou afastando interessados.

O networking representa um grande facilitador. Com um telefonema ou e-mail, você consegue a informação ou a ajuda que busca.

Tenha sempre em mente que a rede de contatos é uma maneira de se desenvolver profissionalmente. Se você se relacionar com pessoas e empresas que tenham algo a acrescentar, você estará a caminho do próprio aprimoramento. Mesmo que a maioria de suas conversas não resulte em negócios, a troca de conhecimentos já vale a pena. a

Fonte: Revista Incorporativa

« voltar